Mensagem do Presidente da IELB sobre os 495 anos da Reforma

Dia 31 de outubro festejamos os 495 anos da Reforma, desde que Martinho Lutero, num ato de coragem, convicção e defesa da verdade das Sagradas Escrituras, fixou 95 teses na porta da igreja de Wittenberg, na Alemanha. Começava ali uma luta na defesa de três pilares básicos de nossa confissão e fé: Somente a Graça; Somente a Fé e Somente a Escritura.

Lutero defendia, à luz da Palavra de Deus, de que a salvação eterna é graça, é presente de Deus, que vem a nós, somente pela fé em Cristo Jesus e essa verdade, nos é colocada e determinada, somente pela Escritura, que é a clara e pura Palavra de Deus. Por essa verdade ele lutou. Nessa certeza ele viveu e se dispôs até a morrer, confessando: “Se vierem roubar os bens, vida e o lar, que tudo se vá, proveito não lhes dá. O céu é nossa herança.” (Hinário Luterano, nº 165).

Quando lembramos essa data, louvamos e agradecemos a Deus pela coragem, firmeza, determinação e fidelidade deste servo de Deus, chamado Martinho Lutero. Por outro lado, numa sociedade em transformação, num mundo de constantes mudanças, onde valores éticos, morais, princípios cristãos, são ignorados, pisoteados e deixados de lado, é preciso olhar para o exemplo de homens como Lutero, para,também, firmados na Bíblia, a Palavra de Deus, hastearmos pendões (Sl 20.5), confessarmos essa fé e não nos deixarmos envolver por ameaças, críticas e vãs filosofias desse mundo (Cl 2.8 e 1 Tm 6.20).

Deus nos proteja, defenda e dê sabedoria para permanecermos firmes na fé e nas Confissões da nossa Igreja. Nas Confissões, conforme encontramos no Livro de Concórdia de 1580, não por serem essas igual ou maior do que a Bíblia Sagrada, mas por termos absoluta convicção que elas estão fundamentadas, baseadas e firmadas na Palavra de Deus. Que assim possamos permanecer firmes e defender com convicção, não o que Lutero disse, mas o que a Bíblia diz, e pela qual Lutero batalhou e lutou até o fim.

Continuamos defendendo que somos salvos Somente pela Graça de Deus. Esse presente vem a nós, Somente Pela Fé, e temos essa certeza, porque a Bíblia e Somente Ela nos afirma e mostra isso.        

Pastor Egon Kopereck
Presidente da IELB

Almoço-palestra com Jorge Gerdau Johannpeter

Este slideshow necessita de JavaScript.

A cobertura completa sobre o almoço-palestra com o Presidente do Conselho de Administração do Grupo Gerdau e Coordenador da Câmara de Gestão e Planejamento do Governo Federal, Jorge Gerdau Johannpeter, realizado na segunda-feira, 27/08, no Salão Nobre do Hotel Plaza São Rafael, em Porto Alegre, pela Comissão dos Festejos dos 500 Anos da Reforma Luterana (formada por integrantes da IELB e IECLB), encontra-se disponível no www.ielb.org.br

Fonte: Comunicação da IELB

Ascensão de Jesus – 17/05

Ascensão de Jesus

“Disse o SENHOR ao meu Senhor: Assenta-te à minha direita, até que eu ponha os teus  inimigos debaixo dos teus pés.” (Salmo 110.1)

Cristo está assentado nos céus, esperando até que todos os seus inimigos estejam debaixo de seus pés. Este é o seu ofício propriamente dito. Ele não dorme, mas vigia por nós. Ele também não quer nenhum substituto, pois ele mesmo quer desincumbir-se desta tarefa. Quando alguém se dirige a ele, ele quer estar ali, pronto para ajudar. Se alguém está com algum problema, que se dirija a Cristo e receberá ajuda. O dia do juízo final não chegou e os inimigos, a carne, o pecado, a morte, ainda permanecem. Mas, no dia derradeiro, Cristo entregará o reino ao Pai. Agora, ele governa os cristãos dentro de seus corações, consola-os na aflição, purifica-os e intercede por eles. No dia derradeiro, todos os seus cristãos reinarão com ele, assentados à direita de Deus. Só então, o último e real inimigo será esganado.

Aqui, na terra, ainda encontraremos fé vacilante, ansiedade pelo sustento e desespero sempre que Deus parece estar distante. Qual é o nosso consolo neste mundo? Cristo, nosso sacerdote, que morreu por nós e cuida de nós, vê que nossos inimigos querem nos destruir. Por isso, ele os afasta e clama ao Pai que se coloque do nosso lado. Quando a consciência percebe isto termos acesso garantido ao Pai em toda e qualquer angústia. O que nos falta são olhos suficientemente fortes para podermos olhar através das nuvens, para dentro dos céus, e ter a certeza de que Cristo é nosso advogado.

 Martinho Lutero

 http://www.lutero.com.br/novo/vida_de_lutero_como_pregou2.php?id=409

500 anos da Reforma Luterana

O Ato de Lançamento dos 500 anos da Reforma, promovido pela IELB e IECLB, na noite de ontem (18/10), no Hotel Plaza São Rafael, em Porto Alegre, reuniu cerca de 160 pessoas. A atividade teve como objetivo marcar o início das festividades que se estenderão até 31 de outubro de 2017, data em que se completa o quincentenário da Reforma Luterana. Um dos momentos mais marcantes foi a apresentação do vídeo de lançamento das comemorações dos 500 anos da Reforma Luterana.

http://www.youtube.com/watch?v=eA1dTrQQ8PA

Fonte: Comunicação da IELB